Jovens aprendizes arrecadam livros e doam para crianças e adolescentes.

27/01/22

Jovens aprendizes arrecadam livros e doam para crianças e adolescentes.

O encerramento do Programa Jovem Aprendiz, de 2021, da Paraibuna Embalagens foi mais que especial. Além de concluir o projeto que, abre as portas da indústria para o primeiro emprego desses jovens, eles fizeram uma ação social que vai levar muito mais conhecimento para crianças e adolescentes, uma forma de retribuir tudo que receberam e, também, ampliar a forma de aprendizagem num Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, em Juiz de Fora.

Os Jovens, do Programa Seu Jeito de Ser, foram estimulados a deixar um legado para outras pessoas e tiveram que arrecadar livros para o SCFV, o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, Curumim Barreira do Triunfo, executado pela AMAC, com o direcionamento da  Secretaria de Assistência Social, da Prefeitura de Juiz de Fora.

Eles conseguiram doações de 300 livros novos e usados que foram entregues num dia de festa que contou com cachorro quente, pipoca, bolo e guaraná.  “Tudo foi organizado por nós, Aprendizes, com bastante carinho e dedicação. Pedimos que fossem livros com assuntos que chamariam mais atenção das crianças e adolescentes, com mais gravuras e animação. Para mim a importância dessa ação foi saber que eles vão ter mais opções para a busca do conhecimento, podendo, com isso, aprender muitas coisas que talvez não teriam acesso. O sorriso deles ao verem os livros não tem preço”, disse Vitória, Jovem Aprendiz que participou da ação.

O Programa de aprendizagem na Paraibuna Embalagens tem duração de um ano. Os Jovens passam seis meses tendo teoria no Senai e outros seis meses vivendo a prática dentro da indústria. O Seu Jeito de Ser vai muito além do que preconiza a legislação sobre Jovens Aprendizes. Na Paraibuna Embalagens ele é amplo com várias ações que levam quem participa à conhecer a fundo, não só as questões técnicas e operacionais de uma empresa, como também contribui para o desenvolvimento de habilidades comportamentais e sociais, fazendo com que os jovens possam ter efetivamente condições de trilharem os caminhos do mercado de trabalho. “O contrato estava terminando e começamos pensar em como poderíamos impactar positivamente a vida do próximo. E chegamos à conclusão de que o direito que eles tiveram de se qualificar e estudar, muitos não teriam. Com base em uma pesquisa nas principais instituições da comunidade, conhecemos o Curumim Barreira do Triunfo, que atende mais de 100 crianças e adolescentes com vulnerabilidade social.  Eles não tinham uma biblioteca, e queríamos estimular esse público a sonhar, a estudar e a viajar sem sair de seu mundo. O comprometimento dos jovens foi fundamental para esse projeto e o sentimento de gratidão se fez presente. Foi muito especial!”, disse Rafael Zacarão, Analista de Gestão de Pessoas na Paraibuna Embalagens.

Além dos livros, a Paraibuna Embalagens doou kits de coletores, reciclável e não reciclável e papel, do Programa de Coleta Seletiva e um lápis semente que orienta os alunos sobre o consumo consciente. “Em nome de toda nossa equipe eu agradeço a todos da Paraibuna Embalagens que nos proporcionaram um momento muito agradável com a doação dos livros, um lanche gostoso e muitas informações importantes. Parabenizo a todos pela iniciativa e que nós possamos formar mais parcerias como essa no futuro”, disse o Coordenador do Curumim Barreira do Triunfo, Diogo Vieira

“As doações vieram exatamente no período de retorno de nossas atividades. Nos estamos reformulando nosso espaço da biblioteca e foi muito importante essa doação para aumentar as oportunidades e as possibilidades culturais para as crianças e adolescentes”. Concluiu, Veronica Dutra Gentil, Técnica de referência/pedagoga.

Notícias Relacionadas